O que é um curso profissionalizante?

A solução que você procura pode ser esta!

 

Devido a sua dinâmica, um curso profissionalizante oferece qualificação profissional em tempo menor que outras áreas. Ele foca na atualização e aperfeiçoamento determinadas áreas, com maior direcionamento para a profissão que o aluno pretende seguir.

Com isso o estudante consegue muito mais rápido se inserir no mercado de trabalho.

As aulas geralmente são mais rápidas e dinâmicas para ensinar o aluno, o que torna o aprendizado mais fácil. Inclusive, muitas vezes, são utilizados recursos tecnológicos para aumentar o interesse do estudante e favorecer a retenção do conteúdo, visto que ele utiliza meios que já conhece para estudar.

Há também maior flexibilidade no horário das aulas, ajudando na conciliação com as demais tarefas do dia a dia. Sendo assim, não há tantas dificuldades para que o estudante se dedique à sua formação profissional, o que contribui para o seu engajamento em relação ao curso.

Esses cursos são indicados para os jovens e adultos que precisam se inserir rapidamente no mercado de trabalho. Eles também são uma ótima opção para os profissionais que estão formados há alguns anos e precisam se atualizar sobre as novas ocupações, novos conceitos, as mudanças do mercado e as tecnologias adotadas pelas empresas, que costumam mudar em um curto espaço de tempo.

E aos profissionais que pretendem agregar conhecimento a uma determinada área, são uma ótima opção. Por exemplo: um jornalista que pretende se inserir no setor de marketing digital pode realizar um curso profissionalizante para aprender sobre o assunto e conhecer as influências das mídias digitais no processo de vendas.

Dessa forma, não é preciso investir em uma nova graduação, que leva 4 anos para concluir, ou investir muito em uma especialização, com alto custo. No curso profissionalizante, o profissional adquire o conhecimento necessário para atuar no mercado, de forma rápida, prática e eficiente.

Sendo assim, ele estará mais preparado para assumir uma nova função na empresa, procurar um novo emprego, mudar completamente de área ou se lançar pela primeira vez no mercado de trabalho.

Afinal, as empresas procuram candidatos qualificados, que possuem conhecimento técnico, conhecem as tendências e inovações da área de atuação e sabem aliar teoria e prática na hora de desempenhar a atividade. 

Percebe-se que o ensino profissionalizante e muito importante para o país, muitos jovens não têm condições financeiras ou tempo para investir em uma graduação na universidade.

O curso profissionalizante oferece qualidade na formação por um custo mais baixo, com flexibilidade em relação às horas de estudo e rápida inserção no mercado de trabalho. Afinal, em vez de estudar por 4 ou 5 anos para obter um diploma, o estudante pode fazer cursos rápidos a qualquer hora do dia e com certificação.

Sendo assim, esse segmento da educação amplia o acesso de muitos jovens, trabalhadores e idosos que não teriam condições de ingressar em uma faculdade. Consequentemente, eles se transformam em cidadãos produtivos e qualificados para o país.

Quando falamos sobre educação profissionalizante tratamos de cursos que, além de formar profissionais com conhecimento técnico, devem estar preocupados também com a formação do cidadão.
O papel da educação é de grande importância para a sociedade, não só pela formação dos indivíduos que atuaram nesta sociedade, mas também pela inclusão daqueles que estão fora do processo produtivo do sistema social, ou seja, qualquer grupo de pessoas marginalizadas, como desempregados e pessoas que não tem acesso a saúde, lazer e outros componentes da cidadania. A educação deve ser um dos principais meios para a realização do que chamamos de inclusão social.